Carretinha para Cavalo – Dicas para proteger seu animal

Carretinha para Cavalo é onde os criadores transportam seus animais para suas casas, shows e treinos. Porém muitos deles não usam técnicas e equipamentos para a segurança do animal dentro da carretinha para cavalo. Segue algumas dicas para proteção do seu animal:

 

Carretinha para Cavalo, proteção para a cabeça

 

Colar de cabeça

Os colares para a cabeça normalmente são de couro e são os mais preferíveis pelos criadores de cavalos. Eles protegem principalmente o pescoço e a testa cabeça do animal dentro da carrretinha para cavalos. Caso aconteça algum acidente que o animal seja jogado para cima, o colar irá diminuir o impacto com a carretinha para cavalo.

carretinha para cavalo

Sapatos para as patas do animal, previne pisões em outros animais e em si mesmo.

 

Corda de chumbo

Uma corda de boa qualidade é essencial. A corda deve ser ligada ao anel do colar, este colar fica abaixo do queixo do animal. Alguns criadores costumam colocar duas cordas sobre o queixo do animal, com isso possuem dois anéis. O recomendado fazer uma interligação entre estes anéis junto com um nó de liberação rápida para que você possa retirar o animal rapidamente da carretinha para cavalo em caso de emergência. Esta corda de chumbo precisa estar fixada corretamente à carretinha para cavalo, de preferência nas duas laterais caso seja um trailer para cavalos simples.

 

Capacete de Couro

Ao viajar com grandes cavalos como os cavalos quarto de milha, você pode notar que a carretinha para cavalo fica instável, caso você passe por algum buraco na pista ou até mesmo uma lombada o animal será arremessado para o teto da carretinha. O ideal é você colocar um capacete, ou uma proteção para o topo da cabeça do animal. Este capacete deve ser acolchoado com espuma. Quanto mais proteção para seu cavalo, melhor não é?

 

Carretinha para Cavalo, proteção para o corpo

 

carretinha para cavalo

Tapete, proteção para as costas e as laterais do cavalo ainda previne contra resfriados.

Muitos criadores procuram colocar uma manta sobre seus cavalos. Esta manta previne muitos problemas. Um deles é o choque com as laterais da carretinha para cavalo. Esta manta não deve ser pesada e não deve irritar o animal, pode ser algum tipo de lã ou algodão leve. Deve ser ajustada corretamente nas costas do animal e nas suas laterais, fixada com cordas. Outra prevenção é contra resfriados onde o cavalo terá uma proteção maior contra o frio e contra humidade. É essencial ter um bom tapete e que ele esteja bem ajustado.

 

Carretinha para Cavalo, proteção para as pernas

 

Antes de iniciar viagem, sempre confira se as botas ou as ataduras que você colocou nas pernas do seu animal estão corretamente ajustadas. Estas botas devem ser instaladas nas quatro pernas do animal. Elas possuem muitos benefícios, um deles é que as botas evitam que ele raspe as pernas contra a carretinha para cavalo, não machuca o companheiro ao lado com pisões e também não se machuca. Alguns cavalos tendem a pisar em si mesmos. Não importa qual método você usa de prevenção, mas o importante é sempre manter atualizado, ou seja, sempre realizar verificações de apertos, manutenção, cuidados, limpeza… O uso incorreto da bota pode causar um desalinhamento nas pernas do animal o que pode leva-lo ao chão, ou até mesmo causar pânico dentro da carretinha para cavalo.

 

Botas vs. ataduras

carretinha para cavalo

Botas para cavalo, proteção extra no trasporte do animal

Ataduras: A atadura é algo que requer uma grande habilidade e muita prática de quem está fazendo. Se ela for bem feita, não apenas protege como oferece suporte as pernas do animal quando ele está dentro da carretinha para cavalo. São bastante úteis em viagens longas ou viagens em que a carretinha para cavalo se torna instável. Caso ela seja mal feita há riscos de que o cavalo tropece em suas próprias pernas e venha a cair dentro do reboque para cavalos, outro problema que pode acontecer devido criação errada da atadura é problemas circulatórios no animal, se ela estiver muito apertada o animal com certeza terá problemas em suas pernas. Então o recomendado é saber a forma correta de usar, caso não conheça peça para alguém que saiba fazer.

As ataduras podem ser feitas de pano, mas o recomendado é de espumas. Até mesmo couro. Ela deve proteger toda a extensão do calcanhar até acima do joelho.

Botas: As botas de viagem mais modernas possuem diferentes formas e diferentes modelos. Oferecem a maior proteção desde o tornozelo do cavalo até acima de seu joelho. São fáceis de colocar e podem ser colocados por qualquer criador.

Dica: Se seu cavalo tem a tendência d pisar em suas próprias patas dentro da carretilha para cavalo, ou mesmo pisar nas patas de outros cavalos durante o trânsito pode valer a pena usar estas botas nos dois animais, até mesmo com o uso de um sapato próprio para cavalos, pode reduzir muito as pancadas contra a carretinha para cavalos.